Sunday, 22 March 2009

Going Green

O suspeito do costume e eu decidimos começar a plantar os nossos próprios vegetais. Por enquanto são apenas brincadeiras com girassois e feijão verde, mas não deixam de ser inicio de uma era.

Hoje de manhã (domingo, dia da mãe no reino de Sua Majestade Isabel II) começamos por activar o "compost bin" com cascas de cenoura, ovos, cebolas, batata, xeróvias, cogumelos e um pouco de cartão só para dar animo à coisa.

Da parte da tarde fomos dar uma volta a um centro de jardinagem para ver o que havia e como era e quanto custa.

Durante a semana passada tinha visto um kit online para plantar batatas que no total custava cerca de 29 libras, sem terra para as batatas incluída, hoje cheguei à conclusão que com o mesmo dinheiro compro tudo mais a terra para as batatas, e apesar de estar a chegar ao fim da época de semear batatas aqui em Inglaterra, vamos esperar mais uma semaninha.

Acabámos por comprar apenas umas sementinhas de girassol para nos entretermos.

Quando chegámos a casa fomos plantar as ditas cujas.

Como podem ver na fotografia decidimos começar por plantar os girassois dentro de casa de uma forma muito simples. Uma travessa com gravilha no fundo para a água escoar sem apodrecer a terra, o cartão parte de dentro dos rolos de papel higiénico cortados ao meio (menos terra e mais vasos), para servir de vasos biodegradáveis (uma boa forma de reciclar material e de poupar dinheiro que os vasos biodegradáveis são carotes), terra boa e voilá.

A foto de exemplo não está muito boa (não tenho grande jeito para fotos e o suspeito do costume entusiamou-se com o regador), mas o principio é este.


Depois já que estavamos com as mãozinhas na massa plantamos também feijão verde e esse está dentro de casa porque ainda não é altura para ser plantado e para a semana estão a prever neve (outra vez). O papel de aluminio (neste caso) é apenas porque os recipientes têm buracos no fundo e nós não temos pratos para eles.



E para finalizar o suspeito do costume decidiu mostrar-me uma experiência com cenoura e xeróvias.
Parece que daqui a uns dias não terei mais cenouras, mas terei muitas folhas.
Portanto, aqui a vossa querida, vai-se dedicar ao magnifico mundo das batatas, cenoura, cebolas e outros vegetais.
O suspeito do costume e eu temos uns quantos projectos na calha e terei o maior prazer em partilha-los com vocês conforme os nosso projectos avançarem, mas posso partilhar desde já que estou a ler bastante sobre abelhas e sobre o controlo de pestes de uma forma biológica...
Bolas... quem me via e quem me vê...
Mas estou muito feliz

1 comment:

Margarida said...

Ola',

Que post bestial.

O que e' aquilo no prato, sao as cenouras cortadas com xerovias tambem cortadas, ou estao inteiras e mergulhadas em leite???
Vou seguir o conselho dos rolos de papel higienico, e' uma forma de reciclar muito criativa.

Beijinhos,
Margarida