Thursday, 23 September 2010

Lua de Mel

O marido e eu temos estado em Lua de Mel na região dos Lagos e temo-nos divertido imenso. Esta zona é linda e temos andado por montes e vales, sob chuva e sol.

Nos primeiros dias andámos por aqui, no lago Windemere, depois fomos a Wastwater, no dia seguinte a Ullswater e hoje fomos a Coniston.

No passeio a Wastwater tirámos imensas fotografias, estava um dia lindo (vamos esclarecer bem, não choveu e não esteve frio) e o percurso era muito fácil de fazer, apesar de longo, a foto mostra bem o espectáculo que foi, acho mesmo que este passeio merece um post.

Casa do barco em Wastwater
Em Ullswater, chovia muito mas sempre deu para tirar algumas fotos e voltar para casa, o percurso foi aldrabado porque nos perdemos do caminho que queriamos percorrer, mas não nos chateamos com isso.

Hoje, em Coniston, não tirámos fotografias nenhumas, estavamos mais preocupados em sobreviver, tivemos um tempo horrível, choveu torrencialmente, descobrimos que os nossos impermeáveis não são assim tão impermeáveis (ficamos os dois com a roupa toda encharcada), foi de todos os passeios o que nos deu vistas mais bonitas, subimos literalmente ao topo da montanha e tivemos vistas lindas sobre o vale, mas fotos, que é bom, nem uma para mostra... Andámos em carreiros estreitos com precipicios de um dos lados, passámos por pontes de madeira no meio do nada que nos levavam por cima de rios que corriam furiosamente para o lago, descendo por onde podiam em cataratas.

O momento mais preocupante foi quando o marido e o cão se  enrodilharam na trela e o marido e o cão cairam, o marido estatelou-se literalmente no chão, o cão ainda escorregou pela encosta (foi sorte que nesta altura a encosta já não era a pique), mas o marido não largou a trela e assim que verifiquei se o marido estava bem, agarrei a trela do cão, puxei-o para terra firme e dei ao marido o tempo que ele precisou para se levantar e depois de verificarmos que todos andavam bem e não havia ossos partidos, seguimos viagem, prometendo a nós próprios que as próximas  férias seriam nas Caraíbas.

Chegamos ao carro tão encharcados que nem valia a pena mantermos os impermeáveis enquanto secavamos o cão (sim o cão tem uma toalha no carro, o marido e eu também não, mas temos bancos aquecidos).

O melhor do dia foi o duche de água quente quando chegámos a casa.

No comments: