Thursday, 20 October 2011

Ausencia

Queridos leitores (se 'e que resta algum mesmo) :)

Tenho de vos pedir desculpa pela minha ausencia prolongada.

Tenho andado "debaixo de fogo", trabalho (finalmente a tempo inteiro), casa, caes e marido...

Tenho andado cansada, preocupada, stressada, e sobretudo a sentir que por mais que tente nao consigo esticar e chegar a tudo...

Hoje fui jantar fora com o marido, fomos a um jantar de pub, era suposto irmos jantar a casa da minha sogra (a senhora desmarcou), logo nao descongelei nada para o jantar e nao estava preparada para cozinhar, isto 'e, a ideia de ir para a cozinha tratar o jantar nao estava no meu horizonte, tinha preparado mentalmente um fim de dia de chegar a casa, passear os caes, ir jantar e voltar para casa e atirar-me ao meu monte de roupa para passar a ferro. Logo disse ao marido que nao estava preparada para cozinhar e fomos vendo alternativas (ele nao se ofereceu para cozinhar), acabamos por decidir ir jantar ao pub, mais caro que um take away, mais barato que um restaurante (precisamente o dobro de um take away e metade de um jantar fora).

Durante o jantar enquanto conversava com o marido, fui explicando que nesta ultima semana tive 2 pessoas para alem dele a dizerem-me que eu preciso de relaxar um pouco, a primeira vez foi no medico, a minha medica de clinica geral disse que estou a tensao arterial alta demais e que para alem de me querer ver frequentemente apartir de agora para controlar a minha tensao arterial e que eu tenho de relaxar, a segunda foi o meu chefe, hoje.

Estivemos a deitar contas 'a vida, a conversar sobre o nosso dia a dia...

Hoje cheguei a casa, nao tirei o casaco, pus as trelas aos caes, chamei o marido, saimos, passeamos os cachorros, voltamos para casa, tirei a trela da Rosie, tirei o casaco, pus a Rosie no jardim a fazer mais qualquer coisa (...), beijei o marido e saimos para o pub, entramos no carro, no caminho para o pub paramos na estacao de gasolina, o marido pos a gasolina no carro, eu fui pagar, chegamos ao pub, pedimos o jantar e pagamos (sopa de cenoura, hambuguer de galinha e uma "pint" de bitter para ele, pate com torradas, hamburguer de queijo e uma coca cola para mim),conversamos enquanto jantavamos, fomos para o carro, congelei a caminho do carro (o casaco ficou em casa...), voltamos para casa, pus a Rosie no jardim de tras outra vez (mais vale prevenir que remediar), sentei-me, fui ao facebook dar uma vista de olhos, liguei para Portugal para falar com a mina mae, pus os caes na ordem, escrevi uma carta a autorizar a minha mae a levantar o meu certificado de habilitacoes na universidade (preciso dele para o novo emprego...) e aqui estou.

Hoje foi um bom fim de dia, hoje nao fiz nada ao fim do dia :)

1 comment:

Buli said...

Exma. prima,

Aqui o seu leitor realmente perguntava-se por onde andaria e que era feito!?

Parabéns pelo trabalho a tempo inteiro, de que soube na semana passada pela tua exma. progenitora! Sim, passei por Portugal de novo, caso não tenhas ouvido falar. No meio de uma viagem ao Brasil, que é mesmo ali ao lado, como quem atravessa o Atlântico :)

Nada mais fácil que relaxar!! Imagina que te tinham sugerido que ficasses 20 cm mais alta! Ou que ganhasses o prémio Nobel! Ou que começasses a falar chinês!

Para relaxar, "basta" colocar as coisas em perspectiva no dia-a-dia. Afinal, o que é MESSSSSMO (ou com pronúncia brasileira: MEEEEEIKJJJJJMO) importante? O que é que pode colocar o mundo ou a vida de alguém em causa? Ok, então tudo o resto pode fazer-se ou não... Que tal curtir o trabalho, a casa, os cães, o marido... que tens tanta sorte em ter?

Força aí! Relaxa e sê feliz!

Beijinhos!!